Arquitetura, Passeios, Ponto Turístico

O Portal de Campos do Jordão

A rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro (SP 123) é a principal estrada de acesso à Campos do Jordão. E os turistas e moradores que deixam ou chegam à cidade por ela sempre são recebidos pelo Portal, um simpático prédio construído em estilo alpino. O Portal é o símbolo da hospitalidade da cidade e como todo bom concierge  responde pelas boas vindas  aos turistas.

Portal de Campos do Jordão

Portal de Campos do Jordão

O Portal é um centro de recepção para os visitantes da cidade. Recentemente reformado o prédio conta com banheiros adaptados para deficientes físicos, fraldário e um eficiente centro de atendimento ao turista com informações sobre hotéis, restaurantes, compras, atrações turísticas e centros de eventos de Campos do Jordão. O espaço do Portal também faz a vez de espaço cultural, sendo utilizado regularmente para abrigar exposições.

campos-1

Portal de Campos do Jordão

Mas o que faz do Portal um símbolo de Campos do Jordão e um dos cartões postais mais fotografados da cidade é a arquitetura do local. A construção do prédio impressiona pela beleza . Uma releitura moderna dos tradicionais chalés suíços, com dois chalés de dois pavimentos cada e beirais todo ornamentados. Já o telhado, diferente das construções suíças não chega até o chão, mas mantém uma inclinação tradicional de 75%.

***

 OFERECIMENTO

Logo BG 30 Anos

***

Padrão
matterhorn 30 anos
Arquitetura, Comer & Beber, Cultura, História

Matterhorn: Um símbolo de Campos do Jordão!

Bons restaurantes existem em todas as cidades, mas restaurantes que conseguem ir além da boa comida, construindo uma identidade com o local onde estão instalados a ponto de serem considerados pontos turísticos são poucos. Esse é o caso do Restaurante Matterhorn, de Campos do Jordão.

Matterhorn

Empório & Restaurante Matterhorn Campos do Jordão - SP

Empório & Restaurante Matterhorn Campos do Jordão – SP

Matterhorn - 27 anos de história

Matterhorn – 30 anos de história

O Local

O Matterhorn ocupa um chalé do Boulevard Geneve, no coração da vila Capivari, o centro turístico de Campos do Jordão. O chalé do restaurante junto com a torre do Boulevard compõe uma das paisagens mais fotografadas da cidade. Uma realidade que já tem 29 anos de história.

Matterhorn - Cozinha suíça e arquitetura alemã.

Matterhorn – Cozinha suíça e arquitetura alemã.

Origens

Mas não se engane, ainda que o restaurante se paute pela culinária suíça, tenha nome suíço e a construção do chalé nos remeta automaticamente aos alpes suíços, ambas construções tem outro sotaque, o alemão. A dobradinha torre-chalé foi inspirada no centro de uma pequena cidade alemã chamada Rothenburg ob der Tauber, famosa pela conservada arquitetura medieval e o estilo arquitetônico do enxaimel.

Rothenburg ob der Tauber

Rothenburg ob der Tauber

A arquitetura que influenciou a Torre do Boulevard Geneve e o chalé que abriga o restaurante Matterhorn em Campos do Jordão.

Lá é assim – A arquitetura que influenciou a Torre do Boulevard Geneve e o chalé que abriga o restaurante Matterhorn em Campos do Jordão.

Ponto de Encontro

O restaurante Matterhorn já está tão incorporado a Campos do Jordão que virou ponto de referência. Ouvir pelas ruas um “me encontra lá no Matterhorn” é comum, e mesmo a torre do Boulevard Geneve é chamada por muitos moradores de “torre do Matterhorn”, tamanha a força do impacto visual que a dobradinha torre-chalé exerce sobre a cidade. E se engana quem pensa que a administração do Boulevard Geneve se ressinta dessa “apropriação” da torre. Pelo contrário, a simbiose Boulevard Geneve-Matterhorn é muito bem-vinda. Assim como Boulevard Geneve e Baden Baden se confundem, o mesmo acontece na relação com o Matterhorn, e é exatamente esse o segredo do sucesso do Boulevard Geneve: ter sido agraciado logo nos seus primeiros anos com empreendimentos que mais do que visar dinheiro, vieram para estabelecer raízes em Campos do Jordão.

Ponto de encontro - Localizado na esquina do corredor do Boulevard Geneve  que liga a Praça de Capivari à Rua Djalma Forjaz não podia ser diferente, o Matterhorn virou ponto de referência.

Matterhorn – Localizado na esquina do corredor do Boulevard Geneve que liga a Praça de Capivari à Rua Djalma Forjaz , o restaurante virou ponto de encontro.

O Matterhorn

O restaurante Matterhorn é fruto dos empresários, José Vasconcelos Rosa, o Vasco, e Marilda Molina. Vasco em 1985 abriu o restaurante Baden Baden no recém-inaugurado complexo de lojas Boulevard Geneve. Encantado com a beleza do prédio o empresário costuma contar que foi amor à primeira vista. E esse encanto com a arquitetura do lugar também aflorou em sua então esposa na época, Marilda, que junto do marido decidiu abrir um mix de restaurante e empório: o Matterhorn.

O empresário Vasco posa para foto em frente ao chalé do Matterhorn em construção.

O empresário Vasco posa para foto em frente ao chalé do Matterhorn em construção.

Inaugurado em 1987 o restaurante Matterhorn ao lado do Baden Baden é hoje um dos estabelecimentos mais tradicionais de Campos do Jordão, e uma das iniciativas empreendedoras de maior sucesso do boom turístico do final dos anos 80, época que marca a transição do potencial turístico de Campos do Jordão, de estância climática e terapêutica para um dos destinos turísticos mais visitados do Brasil. Uma transição que deve muito a arquitetura e cuidados paisagísticos adotados pelo Boulevard Geneve e outros prédios da cidade, mas que só se consolidou graças à qualidade de estabelecimentos como o Matterhorn.

Junho de 1987 foi gentil com o casal Vasco e Marilda. O mês marca o nascimento do Matterhorn e da filha Clarissa.

Junho de 1987 foi gentil com o casal Vasco e Marilda. O mês marca o nascimento do Matterhorn e da filha Clarissa.

Mas e o restaurante? É bom mesmo?

Matterhorn significa Montanha-Mãe e faz alusão à montanha mais famosa dos Alpes Suíços. O restaurante homônimo de Campos do Jordão faz jus à influência suíça. Um parêntese: Sabemos que os adjetivos charmoso e acolhedor são utilizados a torto e a direito nos guias turísticos, mas o chalé que abriga o empório na parte térrea e o restaurante no piso superior é sem dúvida o chalé mais charmoso da cidade. Os milhares de turistas que posam para fotos em frente a ele todos os anos não nos deixam mentir.

Matterhorn - O chalé mais charmoso da cidade.

Matterhorn – O chalé mais charmoso da cidade.

E uma vez no restaurante o cliente é tomado pela atmosfera acolhedora e agradável do lugar, como quem se vê de repente num chalé com lareira fazendo a vez de abrigo ante uma tempestade de neve dos alpes suíços. O Matterhorn “salva” seus clientes do burburinho e do frio das ruas de Campos do Jordão trazendo-os para uma experiência sensorial que agrada todos os sentidos. A começar pela trilha sonora comandada pela exímia pianista Dona Cidinha, um deleite para os ouvidos. Já a decoração remete a uma cabana chique e os detalhes mudam regularmente de acordo com a época do ano (outono, Páscoa, Dia dos namorados, Natal e Reveillon sempre ganham decorações especiais). Tudo muito bonito.

Pode nevar lá fora, o Matterhorn abriga você. Foto: Chuva de granizo de 2001 que deixou Campos do Jordão com a cara da Suíça. Clicada por Ricardo Castelfeanchi.

Pode nevar lá fora, o Matterhorn abriga você.Foto: Chuva de granizo de 2001 que deixou Campos do Jordão com a cara da Suíça. Clicada por Ricardo Castelfranchi.

Restaurante Matterhorn

Restaurante Matterhorn

O Matterhorn em clima de outono

O Matterhorn em clima de outono

No detalhe: Destaque para o piano de Dona Cidinha, pianista residente da casa.

No detalhe: Destaque para o piano de Dona Cidinha, pianista residente da casa.

Ok, só que beleza não põe a mesa como dizem os mais velhos, falemos então das estrelas do Matterhorn. A cozinha da casa é famosa pelas fondues e racletes. Uma primeira visita ao restaurante passa quase que obrigatoriamente por esses dois símbolos das culinária suíça. Mas o restaurante também tem um cardápio variado que aborda desde pratos regionais à base de truta e pinhões até cozinhas mais tradicionais como massas italianas e cortes especiais de carnes e aves, entre outros pratos de festivais que mudam de estação para estação. Para beber, uma extensa carta de vinhos e cervejas especiais completa a agradável e inesquecível experiência gastronômica que é visitar o Matterhorn.

A sequência das fondues Matterhorn respeita as legítimas  receitas suíças.

A sequência das fondues Matterhorn respeita as legítimas receitas suíças.

A famosa raclete do Matterhorn

A famosa raclete do Matterhorn

Alta gastronomia - O Matterhorn vive se reinventado como nessa sobremesa batizada de Quadra de Pinhão.

Alta gastronomia – O Matterhorn vive inovando como nessa sobremesa batizada de Quadra de Pinhão.

Sempre no salão - A empresária Marilda Molina atualmente comanda o restaurante ao lado do chef Rodrigues.

Sempre no salão – A empresária Marilda Molina atualmente comanda o restaurante ao lado do chef Rodrigues.

Empório e Bar - O Matterhorn tem tudo para o seu happy hour. Confira uma resenha da Veja SP, clique aqui.

Empório e Bar – O Matterhorn também tem tudo para o seu happy hour. Confira uma resenha da Veja SP, clique aqui.

***

Mais informações: www.matterhorn.com.br

faça o tour virtual: camposdojordao360graus.com.br

endereço: Rua Djalma Forjaz, nº 93, loja 20, Boulevard Geneve

Matterhorn - Mais que um restaurante! Um símbolo de Campos do Jordão!

Matterhorn – Mais que um restaurante! Um cartão postal de Campos do Jordão!

***

OFERECIMENTO

Logo BG 30 Anos

***

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Padrão