Pizza de alcachofra e tomate seco do restaurante Cantinho da Serra em Campos do Jordão.
Comer & Beber, gastronomia

Flores à mesa: Festival da Alcachofra

Como cantava Tim Maia, “Primavera soprando um caminho mais feliz”, e em Campos do Jordão a estação este ano veio acompanhada da primeira Temporada Gastronômica da Alcachofra. A requintada flor comestível está disponível nos menus de diversos restaurantes da cidade até o dia 8 de novembro.

alca

Dica de chef – Qualquer que seja a receita escolhida, é necessário cozinhar a alcachofra em panela de pressão com água e sal. A dica é acrescentar uma rodela de limão para que ela não escureça e desligar o fogo assim que a panela fizer o primeiro barulho. A flor está pronta quando as pétalas saírem facilmente e seu fundo estiver macio.

A alcachofra começou  a ser cultivada na Serra da Mantiqueira há poucos anos, inicialmente na cidade vizinha de Santo Antônio do Pinhal. E apesar das condições do clima da montanha não possibilitarem uma grande colheita, por outro lado o solo rico em nutrientes da serra tem legado aos produtores uma alcachofra mais saborosa e nutritiva. Isso acontece porque ela tem sido produzida de maneira orgânica, sem a utilização de agrotóxicos.

Truta Primavera ao molho de alcachofra do Empório & Restaurante Matterhorn.

Truta Primavera ao molho de alcachofra do Empório & Restaurante Matterhorn. Chef: Marisa Molina.

Em Campos do Jordão os turistas podem podem experimentar a flor em receitas deliciosas como: Risoto de alcachofra, do Bar Mercearia Campos; Truta Primavera do Empório e Restaurante Matterhorn; Medalhão ao molho de alcachofra, do Baden Baden; Coração de alcachofra recheado com alho poró e camarões, do Spazio di Paolo; Risotto de vinho tinto com alcachofra e pato, do Charpentier (Hotel Frontenac); Javali à Obelix assado, com cestinha de fundo e farofa de alcachofra, acompanha purê de mandioquinha, do La Gália; Bouquet Primavera (truta recheada com coração de alcachofra ao pesto de manjericão) do Davos Maison Suisse; Coração de alcachofra recheado de tomate seco e ricota com ravióli ao sugo da Cantina di Nonna Mimi;Alcachofra recheada com emmenthal acompanhando carré de cordeiro do Espaço Seu Jordão; Pizza de alcachofra e tomate seco do Cantinho da Serra e muito mais…

Medalhão de filé mignon ao molho de alcachofra do Restaurante Baden Baden, chef Maria Gilda Resende.

Medalhão de filé mignon ao molho de alcachofra do Restaurante Baden Baden, chef Maria Gilda Resende.

Restaurantes participantes:

BADEN BADEN
Rua Djalma Forjaz, 93 – Capivari
Tel: 3663-3610
www.restaurantebadenbaden.com.br
MATTERHORN
Rua Djalma Forjaz, 93 – Capivari
Tel: 3663-1841
www.matterhorn.com.br

Para a relação completa dos restaurantes, clique aqui.

alcachofra

Foto da capa: Pizza de alcachofra e tomate seco do restaurante Cantinho da Serra em Campos do Jordão.

***

OFERECIMENTO

boulevardgerneve teste_______________________________________________

assinatura BG

Padrão
Vale Food Week
Comer & Beber, gastronomia, Supernovas

Vale Food Week 2015

“Save the Money” (economize seu dinheiro), esse é o lema do Vale Food Week, um festival gastronômico que reúne uma seleção de elogiados restaurantes da Serra da Mantiqueira e do Vale do Paraíba. Esta é a terceira edição do festival cujo objetivo é democratizar a boa gastronomia. Nos restaurantes participantes os clientes encontram opções de pratos por um único preço, R$39,90.

O evento acontece 15 a 28 de outubro.  Então, “save the date” (guarde bem a data) e aproveite para até lá conhecer as delícias gastronômicas da região por um preço super acessível.

Folheie o guia dos restaurantes participantes.

#ficaadica

Abaixo separamos duas dicas de restaurantes para você, confira!

Baden Baden

Baden Baden no Vale Food Week 2015

Baden Baden no Vale Food Week 2015

Em Campos do Jordão oito restaurantes estão participando do festival, entre eles, o badalado Baden Baden. A casa alemã, especializada em harmonizar a cerveja que leva o seu nome com diferentes pratos, participa do Vale Food Week com um campeão de pedidos:, a sua Batata Rosti recheada com muçarela de búfala e tomate seco. Completa o time uma salada verde de entrada e uma guarnição de arroz a grega. Já o tradicional e delicioso chope Baden Baden faz a vez da sobremesa.

 Sans Souci Bistrô

Sans Souci no Vale Food Week 2015

Sans Souci no Vale Food Week 2015

O endereço gastronômico mais comentado da última temporada de inverno de Campos do Jordão também abriu suas portas para a terceira edição do Vale Food Week. Confira abaixo os dois menus que os chefs do Sans Souci Bistrô prepararam para o evento.

***

Mais informações em:

www.valefoodweek.com.br

www.fb.com/valefoodweek

***

OFERECIMENTO

boulevardgerneve teste_______________________________________________

assinatura BG

Padrão
DESTINO DE INVERNO blog
Reportagem, Supernovas

Campos do Jordão é o melhor destino de inverno

O jornalista carioca João de Sá, nos anos 50, eternizou o verso “Campos do Jordão, ‘jóia’ do alto da serra”, no hino oficial que compôs para a cidade. Correm pouco mais de 60 anos, o ano é 2015 e o maior jornal do país, a “Folha de São Paulo”, encerra uma elogiosa matéria, na qual Campos é apresentada como o melhor destino de inverno do país, com a seguinte frase: “A pouco mais de duas horas de São Paulo, Campos é uma pequena joia na Serra da Mantiqueira”.

Campos do Jordão - O melhor destino de inverno do Brasil.

Campos do Jordão – O melhor destino de inverno do Brasil.

Muitas coisas mudaram nos últimos 60 anos no mundo, até mesmo a palavra joia perdeu o acento, mas Campos do Jordão não perdeu o brilho e segue encantando os brasileiros. Na matéria da Folha, Campos do Jordão foi apontada como o melhor destino de inverno pelos paulistanos segundo pesquisa do prestigiado instituto DataFolha. Mas antes que os paulistanos sejam acusados de bairrismo, a matéria de saída já justifica o título “Campos do Jordão é o melhor destino de inverno”, com a constatação:

“Não por acaso, os paulistanos elegeram Campos do Jordão seu destino favorito de férias de inverno. É bom que se diga que não estamos sozinhos nessa escolha: a cidade atrai visitantes de muitas outras regiões, todos em busca do charme local e do clima europeu.”

Clique na imagem para ler a reportagem da Folha na íntegra. pS: Está recheada de dicas ;D

Clique na imagem para ler a reportagem da Folha na íntegra. PS: Está recheada de dicas ;D

Felicidade define o sentimento do Boulevard Geneve em fazer parte desse encanto que salta aos olhos de tantas pessoas. É um orgulho sem tamanho fazer parte desse brilho.  Ser um pedacinho dessa *JOIA* chamada Campos do Jordão. Que como os bons vinhos, mesmo com o passar dos anos, só melhora!

Campos de todas as estações

estações

Campos brilha em todas estações :D

Mas fica a dica, nas outras estações do ano Campos do Jordão também faz bonito. Na primavera Campos se transforma no Jardim do Brasil. Nosso verão é ensolarado, mas fresquinho! E o outono é outra primavera, mas na qual cada folha é uma flor, tamanha a beleza da paleta de cores que o espetáculo do cair das folhas dos plátanos e dos liquidâmbares dão. Outono, inverno, primavera ou verão. Campos do Jordão brilha em qualquer estação. ;D

***

OFERECIMENTO

boulevardgerneve teste_______________________________________________

assinatura BG

Padrão
Geleias de Campos do Jordão
Comer & Beber

As geleias de Campos do Jordão

O clima frio de Campos do Jordão favorece o cultivo de frutas vermelhas como amora, framboesa, morango e mirtilo (ou blueberry). Boa parte dessa produção é empregada na fabricação de geleias, algumas caseiras, outras orgânicas.

Abaixo listamos as principais marcas de geleias comercializadas na cidade e os sites com os endereços onde você poderá encontrá-las e até mesmo comprar online.

Geleias Baronesa Von Leithner

emportio-vintage-casa-baronesa

A tradição do cultivo das frutas vermelhas em Campos do Jordão começou na fazenda que produz a geleia Baronesa.

Fundada por um casal de Barões Austríacos no final da década de quarenta, a Fazenda Baronesa Von Leithner fica localizada no bairro Alto da Boa Vista, e foi pioneira no cultivo de frutas vermelhas no Brasil. As geleias da marca estão à venda nos principais mercados e empórios de Campos do Jordão, bem como na loja da marca localizada na fazenda.

Visite o site da marca, clique aqui (vende online).

Geleias Lenz Gourmet

A Fazenda Lenz, localizada na região do Gavião Gonzaga, atrai milhares de turistas atrás dos seus quitutes. As geleias orgânicas são recordistas de venda.

A Fazenda Lenz, localizada na região do Gavião Gonzaga, atrai milhares de turistas atrás dos seus quitutes. As geleias orgânicas são recordistas de venda.

A Fazenda Lenz é um destino turístico tradicional de Campos do Jordão. Há mais de 30 anos o local recebe visitantes que vem atraídos, sobretudo, pelo seu mirante com vista para um belíssimo vale da Serra da Mantiqueira, e pelo não menos famoso, bolo da fazenda, o Lenz Cake. Mas as geleias são o produto mais vendido da fazenda. Receitas caseiras e outras produzidas com frutas orgânicas estão disponíveis em cinco sabores: morango, framboesa, amora, ameixa e laranja.

Visite o site da marca, clique aqui (vende online).

Geleias dos Monges

Geleia dos Monges, 28 anos de tradição.

Geleia dos Monges, 28 anos de tradição.

Mais uma marca tradicional de geleias de Campos do Jordão. Desde 1988 a marca comercializa suas geleias na cidade e hoje está presente nas principais redes de supermercados do país. Em Campos do Jordão além dos tradicionais potes de de 310g, a s geleias também são vendidas em mini-potes de 35g, excelentes para presentear amigos e parentes.

Visite o site da marca, clique aqui (vende online).

Geleias das Monjas

No mosteiro São João, toda a renda da venda das geleias é revertida para manter a ordem religiosa.

No mosteiro São João, toda a renda da venda das geleias é revertida para manter a ordem religiosa.

Conforme a tradição monástica as monjas beneditinas do Mosteiro São João de Campos do Jordão vivem de seu próprio trabalho. Desde o início de sua fundação, o Mosteiro de São João dedicou-se aos mais variados trabalhos artesanais, inclusive deliciosos quitutes, biscoitos e geleias. No tocante as geleias produzidas pelas irmãs, os visitantes do mosteiro encontram cinco sabores: abacaxi, amora, damasco, framboesa e maracujá.

Visite o site da marca, clique aqui.

***

OFERECIMENTO

boulevardgerneve teste______________________________________________

assinatura BG

Padrão
PRATO 2 BLOG
Comer & Beber, Eventos

O Prato é Seu – Jantar Beneficente

A AMECampos em parceria com o Hotel Frontenac realizará no sábado, 18 de julho, a partir das 20h30, o jantar beneficente “O Prato é Seu – Campos do Jordão”. A renda será revertida para as ações sociais da organização que atua nas áreas de educação, cultura, meio ambiente, esportes e cidadania ativa. O jantar acontecerá no Restaurante Charpentier, nas dependências do hotel Frontenac, que é um dos mais prestigiados de Campos do Jordão, sendo afiliado da Associação Roteiros de Charme.

Salão do restaurante Charpentier, premiado pelo Guia 4 Rodas.

Salão do restaurante Charpentier, premiado pelo Guia 4 Rodas.

Os presentes poderão saborear um delicioso Buffet de sopas salgadas e doces e levarão de presente um prato artesanal (uma verdadeira obra de arte) escolhido na entrada do evento. Um grupo de renomados ceramistas, capitaneados pela artista plástica Lucia Ramenzoni, responde pelas assinaturas dos pratos, criados exclusivamente para o evento.

Ao final do jantar para os convidados que quiserem comprar pratos extras, o grupo de ceramistas disponibilizará na entrada do hotel algumas obras.

prato

***

SERVIÇO:

O Prato é Seu – Campos do Jordão

Local: Hotel Frontenac – Restaurante Charpentier

End.: Av. Dr. Paulo Ribas, 295 – Vila Capivari

Data: 18 de julho de 2010

Horário: 20h30

Valor: R$ 100,00

Informações e vendas de convites: (12) 3662-2611

e-mail: jantar@amecampos.org.br

***

OFERECIMENTO

boulevardgerneve teste_______________________________________________

assinatura BG

Padrão
food truck 2 blog
Comer & Beber, gastronomia

Festival de Food Trucks

Eles subiram a serra rumo a Campos do Jordão no feriado de Corpus Christi e em pouco mais de um mês já são a novidade mais comentada na cidade. Os food trucks caíram no gosto de turistas e moradores e tem tudo para ser um dos grandes destaques desta temporada de inverno.

Febre na capital, os food trucks desembarcaram em Campos com status de “modismo da vez” e sofreram certa desconfiança, mas eles tem conseguido agradar, principalmente os turistas de um ou dois dias que visitam a cidade. Graças ao preço, a qualidade e a grande variedade de opções de pratos e lanches rápidos.

Capivari Food Trucks

Capivari Food Trucks (foto por Fernando Moraes)

Qualidade e preço justo

O Mamute Food Truck, por exemplo, firmou uma parceria com o Sans Souci Bistrô, casa adepta do slow food e que trabalha, sobretudo, com produtos regionais. São da horta orgânica do bistrô e de fazendeiros da região a maioria dos ingredientes utilizados nos lanches do food truck, que variam de R$20 a R$30.

O hambúrguer caseiro do Mamute Food Truck tem a companhia de ingredientes orgânicos e patê de queijo de cabra.

Local food – O hambúrguer caseiro do Mamute Food Truck tem a companhia de um mix de folhas, tomates orgânicos e patê de queijo de cabra.

Food trucks e Música

E os últimos a chegarem na cidade foram os trucks do Food Truck Winter Festival. Cerca de 20 food trucks estão estacionados numa área do Tênis Clube de Campos do Jordão. E o diferencial do festival frente aos outros espaços de food trucks de Campos (confira aqui) é a programação musical. O espaço recebe todos os dias apresentações de bandas de jazz, blues, mpb e rock, além de contar com um lounge com dj. Sempre na faixa. De graça ;D

Food Truck Winter Festival

Food Truck Winter Festival

 Concorrência?!

De acordo com uma reportagem do portal G1 (confira a íntegra aqui) os restaurantes da cidade não tem encarado os food trucks como inimigos. Apesar da concorrência, o setor gastronômico de Campos do Jordão prevê alta de até 20% nas vendas nesta temporada de inverno. “São propostas diferentes, com uma gastronomia atípica da que a montanha oferece. Traz um complemento a mais para a cidade e acaba sendo um atrativo novo para trazer turistas”, declarou ao G1, Paulo Costa, diretor do Sindicato dos Hotéis, Restaurantes e Bares do município.

***

Saiba onde estão os food parks:

Mamute Food Truck: Av. Januario Miraglia, 3260, Vila Jaguaribe.

Capivari Food Trucks: Av. Vitor Godinho, 91, Vila Capivari.

Food Truck Winter Festival: Rua Dr. Paulo Ribas, 76, Vila Capivari.

Market Plaza: Avenida Macedo Soares, 499, Vila Capivari.

Faixa de preços: De R$20 a R$35,00

***

OFERECIMENTO

boulevardgerneve teste_______________________________________________

assinatura BG

Padrão
harmonização cerveja blog
Comer & Beber, gastronomia

Harmonização: Cerveja & Gastronomia

Harmonização para iniciantes

Cervejas artesanais não à toa muitas vezes são chamadas de gourmet ou simplesmente de especiais. Elas tem sabores e aromas peculiares que devem ser apreciados com calma. São verdadeiras experiências sensoriais. Por isso saber combiná-las com o que se vai comer é importante. Para que um sabor não anule o outro. A cerveja não pode se sobressair ao prato e vice e versa. É a tal da harmonização. Mas acredite, não é frescura. E uma vez que você passa a conhecer as “regrinhas” da harmonização, a experiência de beber fica muito melhor. E assim que você passar a praticar a harmonização corretamente você estará bebendo cerveja “like a boss” (como um mestre, um chefão).

Like a boss - Obama, Daniel Craig e Javier Bardem. Todos fãs de cervejas especiais.

Like a boss – Obama, Daniel Craig e Javier Bardem. Todos fãs de cervejas especiais.

Sommelier digital

Pensando em garantir a máxima satisfação de uma refeição com suas cervejas, a Baden Baden desenvolveu um simulador chamado “Experiência Gourmet” que harmoniza para você o prato mais indicado para cada tipo de cerveja. Algo como um sommelier digital. O programa faz o trabalho duro da harmonização. Para você beber like a boss no modo fácil.

Funciona assim: você escolhe o tipo de cerveja que mais gosta e o programa sugere os pratos, ou então, você pode escolher um prato, e na sequência o simulador lhe sugere a cerveja mais indicada. E o mais legal é que mesmo que você não tenha em mente um prato específico ou cerveja, pelas simples escolhas de ingredientes e sabores que lhe agradam o simulador também processa harmonizações. E os resultados são bastante explicativos e servem até mesmo para combinar com cervejas de outras cervejarias. A Baden Baden não força a barra dizendo algo como “apenas Baden combina”, o simulador da marca explica que o tipo “X” de cerveja vai bem com o prato “Y”. O que é bem legal e educativo para quem é fã de cervejas artesanais.

Clique na imagem para acessar o simulador de harmonização da Baden Baden.

Clique na imagem para acessar o simulador de harmonização da Baden Baden.

Ei, no que você vai beber essa cerveja, amigão?

Taças e copos são importantes. Cada cerveja artesanal pede um copo/taça diferente. O simulador da Baden Baden também te ajuda nisso, a cada consulta de harmonização o programa indica qual é o mais indicado.

***

OFERECIMENTO

Logo BG 30 Anos

***

Padrão
museu do café blog
Comer & Beber, gastronomia, Rolê Econômico

Museu do Café em Campos do Jordão

O Museu do Café, principal instituição de preservação da memória e da cultura do café no país, estará presente em Campos do Jordão no primeiro final de semana da temporada de inverno da cidade. Em parceria com o Museu Felícia Leirner, que recebe o evento, o Museu do Café irá realizar atividades culturais gratuitas sobre o universo do café.

Museu do café

Uma contação de história musicada sobre o ciclo do café, um workshop de barismo (a arte de preparar e servir café) e uma dinâmica de harmonização com cafés especiais e chocolates, compõem a programação do evento. As atividades acontecem nos dias 04 e 05 de julho. Confira abaixo a programação.

Museu do Café

***

Informações e inscrições prévias: (12) 3662-6000 ou (13) 3213-1751

***

OFERECIMENTO

boulevardgerneve teste______________________________________________

assinatura BG

Padrão
temporada gastroNÔMICA DE INVERNO
Comer & Beber, gastronomia

9ª Temporada Gastronômica de Inverno

Mais uma vez sob os preceitos da frase “Aproveite na Montanha o que é da Montanha”, o Grupo Cozinha da Montanha promove a 9ª edição da Temporada Gastronômica de Inverno de Campos do Jordão. Ao todo 21 restaurantes participam do festival esse ano. Todos com pratos inéditos. Até dia 2 de agosto de 2015.

A relação de todos os restaurantes participantes pode ser acessada clicando aqui.

 Confira algumas das novidades desta edição:

Truta Araucária, do Mercearia Campos;

Deleite (doce de leite quente com banana,mini marshmallows e bolacha champagne) do Matterhorn;

Eisbein 30 anos ( mini joelho de porco defumado com batata rústica, repolho roxo e purê de maça) do Baden Baden;

Sea Lion ( lombo de salmão grelhado ao molho de erva-doce e gateau de legumes) do Vemaguet67;

Eisbein 30 anos ( mini joelho de porco defumado com batata rústica, repolho roxo e purê de maçã).

Baden Baden – Eisbein 30 anos ( mini joelho de porco defumado com batata rústica, repolho roxo e purê de maçã).

Carré de javali assado ao molho de ervas finas, com polenta cremosa do La Gália;

Truta Passion do Davos Maison Suisse;

Rondelli ao sugo da Nonna da Cantina di Nonna Mimi;

Tábua da Mantiqueira ( embutidos, queijos e azeite produzidos na região do restaurante Vila Chã;

Matterhorn - Deleite ( doce de leite quente com banana, mini marshmallows e biscoito champagne).

Matterhorn – Deleite ( doce de leite quente com banana, mini marshmallows e biscoito champagne).

Risoto de brie e aspargos frescos com carré de cordeiro ao molho de ervas do Villa Gourmet;

Rolet de truta recheada com pinhão e cogumelos da montanha ao molho de camarões e risoto de arroz negro do Safari;

Todos os Sabores ( mix de trufas e bombons) do Sabor Chocolate;

Feijoada da Serra do Cantinho da Serra;

Bife Ancho com salada Perroy do Beto Perroy Grill

***

10584067_862563267162560_6931360891448711574_n

***

OFERECIMENTO

boulevardgerneve teste______________________________________________

assinatura BG

Padrão
Maison Genève Blog
Compras, gastronomia, Passeios, Ponto Turístico

Maison Genève: A loja mais bonita da cidade

A tranquila Vila Jaguaribe em Campos do Jordão é cortada pela Avenida Januário Miraglia, principal via de acesso ao centro turístico de Campos do Jordão, e na altura do número 3260 os turistas são surpreendidos por um castelo todo coberto de flores. Trata-se do castelo da Maison Genève, a malharia mais tradicional de Campos do Jordão, e que atualmente abriga a loja mais bonita da cidade.

Maison Genève - Campos do Jordão

Maison Genève – Campos do Jordão

Fundada em 1973 a Maison Genève sempre encantou os clientes que visitavam suas lojas pela decoração acolhedora que faz com que a maioria das pessoas se sintam em casa. Uma ida à loja sempre foi considerada por muitas famílias como um programa familiar que agradava todos, até mesmo os pequenos. Que o diga o saudoso escorregador gigante da antiga loja da Vila Capivari que fazia a alegria das crianças enquanto os pais compravam, tomavam um café, ou folheavam jornais e revistas. E esse cenário de reunião de família nos últimos anos ganhou ainda mais força  com a abertura da loja da Vila Jaguaribe.

Maison Genève - Na loja nem as árvores passam frio.

Maison Genève – Na loja nem as árvores passam frio.

Estilo com algo a mais

A loja mais recente da Maison Genève nasceu em 2011 com o intuito de ser uma concept store da marca. Hoje, passados pouco mais de quatro anos, o prédio da loja nova se tornou um dos endereços mais fotografados de Campos do Jordão. Tanta atenção do público levou os donos da marca a fecharem a loja da Vila Capivari e concentrar toda a sua atenção na loja nova. A qualidade e o bom gosto da Genève, considerados um dos principais motivos da fama das malhas de Campos, por si só já era de se imaginar atrairiam visitantes ao local, mas essa qualidade e bom gosto nos últimos anos foi levada a outros patamares com a nova Maison Genève. O lugar mais do que uma loja se apresenta como um espaço de excelência em estilo que combina arquitetura, decoração, moda e gastronomia.

Uma das bicicletas coloridas da Maison Genève. Um símbolo da nova fase da marca.

Uma das bicicletas coloridas da Maison Genève. Um símbolo da nova fase da marca.

A vocação do espaço para “algo a mais” se deu desde a abertura. Cada cantinho da loja conta uma história e foi cuidadosamente decorado. Diante da Maison Genève cada ângulo revela algo. A fachada do prédio, com suas torres medievais impressiona e conquista pela lembrança de contos de fadas. Já as trepadeiras e flores compõem um bonito painel paisagístico natural que agasalha todo o prédio. E falando em agasalho, até as árvores em frente à Maison Genève são revestidas com belíssimos tecidos coloridos. Um colorido que também cobre todos os vasos de flores e as simpáticas bicicletas coloridas espalhadas em volta do prédio, um símbolo da loja, e alvos prediletos dos flashes de turistas e moradores.

Maison Genève -  Desde 1973, um marco da história das malharias de Campos do Jordão.

Maison Genève – Desde 1973, um marco da história das malharias de Campos do Jordão.

Do lado de dentro as vitrines são uma atração a parte, um trabalho de arte que coloca a Maison Genève em pé de igualdade com as vitrines mais bonitas do mundo. Já no interior da loja as peças das marca Genève dividem o espaço com objetos vintage que vão desde máquinas antigas de costura à malas, guarda-chuvas, máquinas registradoras, e até uma tábua de passar roupa. Tudo convive harmonicamente, combinando o sóbrio das roupas da marca com o espírito de leveza pregado pela mesma. O que dá espaço para brincadeiras de decoração que jogam o astral de quem visita a loja pra cima, como o parquinho infantil, o relógio em formato de cabeça de vaca, uma parede ilustrada com um poema de Fernando Pessoa e o Sans Souci, o espaço gastronômico da Maison Genève.

Maison Genève - Manequins de flor.

Maison Genève – Manequim de flor.

Sans Souci Café

Localizado nos fundos da Maison Genève, o Sans Souci (que em francês significa “sem preocupação”) foi idealizado pela chef Ornella Padovan, filha dos proprietários da Genève, que em 2011 aproveitou um espaço da nova Maison recém inaugurada para dar vazão a suas criações culinárias.

Sans Souci - Campos do Jordão

Sans Souci – Campos do Jordão

O Sans Souci é decorado com uma lousa no melhor estilo das brasseries francesas. A arte dos menus é pintada à mão, cafés e chás são servidos em xícaras de diferentes nacionalidades, pôsteres retrô cobrem uma parede, vasos de flores são revestidos com tricot colorido e os encostos e pés das cadeiras são decorados com retalhos da malharia. E o bacana é que foi a própria Ornella junto de sua mãe, Paula, que decorou tudo, reaproveitando as sobras da malharia para dar vida ao interior e à charmosa área externa.

Tamanho cuidado com os detalhes e a qualidade dos produtos e do serviço prestado resultou num ambiente despojado e encantador que combinado com a qualidade do café e dos doces exclusivos levou o Sans Souci a ser premiado como o melhor Café de Campos do Jordão pela revista Veja Comer & Beber, edição Vale & Montanha 2013 e 2014.

Sans Souci - Campos do Jordão

Sans Souci – Campos do Jordão

Sans Souci Bistrô

Em 2015 o Sans Souci ampliou seu espaço dentro da loja Maison Genève, com a implantação do Sans Souci Bistrô. E o restaurante que nasceu sob a mesma linha de trabalho iniciada pelo Café, vem encantando os clientes antes, durante e depois das refeições.

Sans Souci - Premiado pela Veja Comer & Beber e Top 10 no TripAdvisor.

Sans Souci – Premiado pela Veja Comer & Beber e Top 10 no TripAdvisor.

Fazendo jus ao nome da casa foi recrutado o chef Thiago Fegies, com passagem por grandes restaurantes como o EAU do Hotel Grand Hyatt SP, que trouxe a filosofia do movimento slow food para a cozinha do Sans Souci. Uma ideia que casou perfeitamente com o “sem preocupação” que dá nome ao restaurante e que pode ser notada pelo frescor dos legumes, verduras e hortaliças cultivados na horta de manejo integrado do bistrô e pelo incentivo aos produtores locais, com a adoção de vinhos, queijos, azeites, entre outros produtos de qualidade da região. Uma seleção primorosa que valoriza a gastronomia local e que tem conquistado muitos clientes a ponto de já posicionar em menos de seis meses de portas abertas o restaurante entre os Top 10 de Campos do Jordão no prestigiado site TripAdvisor.

Sans Souci - Adeptos do slow food e do local food os próprios chefs colhem ingredientes frescos na horta orgânica ao lado da Maison Genève.

Sans Souci – Adeptos do slow food e do local food os próprios chefs, Thiago Fegies e Daniel Trefiglio, colhem ingredientes frescos na horta orgânica ao lado da Maison Genève.

Um verdadeiro achado

Pelas razões elencadas acima é que a Maison Genève conseguiu ultrapassar as fronteiras comerciais, sendo hoje muito mais que uma loja. A Maison Genève hoje é como uma linda casa de campo aberta para todos que visitam Campos do Jordão. Um ponto turístico importante da história da tradição da lã da cidade (no segundo andar funciona a fábrica da marca, totalmente com mão de obra local), que combinado com sua arquitetura e paisagismo únicos na cidade, suas malhas de alto padrão, a gastronomia excelente e um jeitão de casa de família, calma e acolhedora, conquista a todos e por isso vem sendo considerado pela maioria dos turistas um verdadeiro achado em Campos do Jordão. Um prestígio merecido e que vale muito a pena conferir.

Maison GenèveCampos do Jordão

***

Onde fica? Av. Januario Miraglia, 3260, Campos do Jordão.

***

OFERECIMENTO

boulevardgerneve teste

***

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Padrão